Como os agricultores usam o controle biológico de pragas

Material produzido pela Rádio Rural Internacional em 1° de julho de 1995, como parte do pacote de informações n° 37.

Original em inglês disponível em: http://scripts.farmradio.fm/radio-resource-packs/package-37/how-farmers-use-biological-pest-control/.


Roteiro:

Vírus controla a broca da mandioca:

Os agricultores do Brasil estão usando um vírus para proteger as plantas de mandioca contra a broca (Erinnyis ello). Eles conseguiram proteger 60 a 100% da sua mandioca. Os agricultores utilizam o vírus em um pesticida doméstico.

Aqui está como funciona. A lagarta da broca é uma praga importante da mandioca. Quando as brocas são atacadas por um vírus, chamado Baculovirus, elas ficam doentes e morrem. As lagartas mortas ficam penduradas nas plantas de mandioca. Para fazer o pesticida, escolha larvas de brocas em forma de balão, que se rompem facilmente e liberam um líquido branco cheiroso. Estas são as larvas que morreram mais recentemente. Amasse de dez a doze larvas grandes (7-9 centímetros de comprimento) ou 22 larvas de tamanho médio (4-6 centímetros de comprimento) com água suficiente para poder escoar facilmente a solução através de um pano limpo ou filtro fino. Misture esse líquido com cerca de trinta litros de água. Use essa solução para pulverizar um hectare de mandioca. Você pode querer experimentar a quantidade de água para ter apenas a quantidade certa para a sua produção.

Pulverize o líquido diretamente sobre as plantas de mandioca. Isso espalha o vírus entre as brocas para matá-las. A melhor época para pulverizar é quando cada planta tiver 5-7 larvas pequenas (com dois centímetros de comprimento). Inspecione as plantas em busca de larvas pelo menos uma vez por semana.

Como esse pesticida doméstico ataca apenas a broca, ele não prejudica o ambiente, nem os insetos benéficos no seu campo.


Parasita combate a broca dos brotos superiores da cana de açúcar:

A broca de brotos superiores é um inseto praga que come a cana de açúcar. Ela pode comer 30% da produção de um agricultor. Pulverizações químicas não são bem sucedidas.

Alguns agricultores controlam a broca dos brotos superiores coletando e destruindo os seus ovos. Infelizmente, isso também destrói os parasitas que vivem dentro dos ovos da broca. Esses parasitas podem ser úteis para o agricultor.

O parasita é uma mosca pequena que coloca os seus ovos dentro do ovo da broca dos brotos superiores. Os ovos da mosca desenvolvem-se em larvas dentro dos ovos da broca. Isso mata os ovos da broca antes da eclosão. As moscas adultas emergem e procuram mais ovos de brocas para colocar os ovos.

Os cientistas encontraram uma forma simples de aumentar a população da mosca parasítica que mata a broca dos brotos superiores. Em primeiro lugar, colete pedaços de bambu que possuem dois colmos e meio e três nós (o colmo é uma seção de bambu e o nó é o ponto sólido que une as seções entre si). O nó no topo age como tampa à prova d’água. Afie a outra extremidade do bambu até um ponto em que ele ficará fixado no solo. Corte um orifício do tamanho de um dedo (3 cm x 3 cm) pouco abaixo de cada um dos dois nós superiores. Pouco acima dos dois nós inferiores, cave um pequeno buraco com o tamanho exato para permitir a drenagem da água.

Esfregue uma mistura pegajosa de resina e óleo de rícino em volta de cada buraco. Espete em seguida as estacas de bambu no chão. Colete conjuntos de ovos da broca dos brotos superiores das plantas de cana de açúcar e empurre-os através dos orifícios maiores com um pequeno pedaço de folha. Você quer que os ovos caiam até o fundo de cada seção de bambu. Muitos dos ovos já infectados pela mosca vão morrer. Os que eclodirem e se tornarem larvas vão tentar sair, mas a mistura pegajosa em volta dos buracos vai mantê-los presos e matá-los. Apenas as moscas adultas que emergirem dos ovos infectados podem voar para fora dos buracos maiores graças ao seu pequeno tamanho, e voar para o campo para encontrar mais conjuntos de ovos para depositar-se. Esse pequeno parasita pode voar apenas por uma distância de cerca de seis metros. Por este motivo, você precisa colocar uma estaca de bambu a cada seis metros e meio no campo.

Você pode começar quando a atividade da broca dos brotos superiores estiver apenas começando e adicionar novos conjuntos de ovos às estacas de bambu toda semana. Esse método ajuda a aumentar a quantidade de moscas parasitas no seu campo. Ele pode reduzir as quantidades de brocas dos brotos superiores em 20%. Se as estacas de bambu forem plantadas no início da estação, mais insetos podem ser mortos.

Este é um exemplo de controle biológico de pragas, em que um inseto parasita controla um inseto praga.


Créditos:

Este roteiro foi preparado por Elisabeth Abergel, Geneticista Vegetal, Departamento de Estudos Ambientais, Universidade de York, Toronto, Canadá.

Revisão: Stuart Hill, Departamento de Entomologia, Macdonald College, Universidade McGill, Montreal, Canadá.

Jon Eakes, Interface Productions, Montreal, Canadá, ajudou na edição técnica.


Fontes de informação:

  • Controlling the sugarcane top shoot borer, International Agricultural Development, Volume 5, n° 1, janeiro/fevereiro de 1985. International Agricultural Development, 19 Woodford Close, Caversham, Reading, Berkshire, RG4 7HN, Reino Unido.
  • Top Shoot Borer, em The farming world, 1337, Fita n° 4R/42G988G, novembro de 1984. The Farming World, BBC, Bush House, Strand, Londres WC2B 4PH, Reino Unido.
  • Elevage: les poulets transformes en ‘oiseaux pique boeuf’, SYFIA Bulletin, n° 40B, maio de 1992. SYFIA, Parc scientifique Agropolis, 34980 Montferrier, França.
  • Friendly insects protect cassava the ‘green’ way, 1993, CIAT press release. CIAT (Centro Internacional de Agricultura Tropical), AA 6713, Cáli, Colômbia.
  • More on making your own biological control for cassava hornworm, Echo development notes, edição n° 24, dezembro de 1988. ECHO (Organização Preocupações Educacionais para a Fome), 17430 Durrance Rd., North Fort Myers, Flórida 33917, Estados Unidos.

A Rádio Rural Internacional (Farm Radio International) é uma organização canadense sem fins lucrativos dedicada a apoiar emissoras de rádio em países em desenvolvimento para fortalecer comunidades rurais e a agricultura em escala.

Segundo a organização, o material da Rádio Rural Internacional pode ser copiado ou adaptado para distribuição gratuita ou a preço de custo, com crédito para a Rádio Rural Internacional e para as fontes originais.

Esta versão em português é um trabalho voluntário, independente da organização e oferecido gratuitamente para as emissoras de rádio dos países de língua portuguesa. O texto foi traduzido para o português do Brasil, mas pode ser adaptado com facilidade para o português falado em outras partes do mundo (para dúvidas sobre os termos empregados, utilize o formulário de contato em https://radioruralportugues.wordpress.com/creditos-e-contato/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s