Comparando variedades de safras: comece com pouco e avance devagar

Material produzido pela Rádio Rural Internacional em 1° de setembro de 2003, como parte do pacote de informações n° 68.

Original em inglês disponível em: http://scripts.farmradio.fm/radio-resource-packs/package-68-celebrating-farmers-creativity-and-innovation/comparing-crop-varieties-start-small-go-slowly/.


Observações para as emissoras:

O roteiro a seguir demonstra a importância de experimentar novos métodos agrícolas antes de decidir alterar permanentemente uma prática de agricultura. Isso é especialmente importante ao testar novas variedades de safras.

A história é narrada em segmentos curtos, de forma que os ouvintes possam absorver facilmente as diferentes partes da história. Cada parte é separada por um interlúdio musical curto. Quando você adaptar o programa para transmissão, você pode querer substituir os interlúdios musicais por algum outro tipo de sons; por exemplo, sons externos de água correndo, insetos zunindo ou sons de fazenda – qualquer coisa que você ache que aumentaria e agregaria interesse para o programa.

Outras ideias de programas com este tema:

  • Agricultores comparam o desempenho de diferentes espécies vegetais em diferentes altitudes.
  • Agricultores discutem as suas variedades favoritas de vegetais para o jardim doméstico.
  • Compare as necessidades de água de árvores frutíferas enxertadas, tradicionais e introduzidas.

Roteiro:

Apresentador: Bem-vindo ao nosso programa que celebra o sucesso das inovações agrícolas e  xperimentação em todo o mundo. Hoje vamos falar sobre experimentos com novas variedades vegetais para conseguir a melhor qualidade de produção, como maior rendimento, melhor sabor, coloração ou qualidades de cozimento. Vamos ouvir a história de um agricultor que recebe incentivo para tentar cultivar uma nova variedade de arroz. Para aprender mais sobre suas qualidades, ele cultiva a nova variedade em canteiros de teste e a compara com a sua variedade local. Esta história vai mostrar que você deve começar com pouco e seguir lentamente enquanto tentar novos métodos agrícolas. E não deixe de registrar suas descobertas ao longo do caminho. Isso é especialmente importante se você estiver testando uma nova variedade de safra. Frequentemente leva vários anos para descobrir se uma nova variedade é adequada para suas condições de cultivo. Novos produtos podem ter boa produção no começo, mas ela cai ao longo do tempo. Ou a nova variedade poderá precisar de fertilizantes caros para manter a alta produção. Ou ainda a produção pode ser mais alta, mas a cor ou o sabor não é tão bom. Manter registros detalhados ajuda você a tomar a melhor decisão sobre quais produtos cultivar.

Vamos ouvir agora a história de como o nosso agricultor descobre que experimentar em canteiros de teste ao longo de um período de vários anos é uma boa ideia antes de decidir substituir completamente uma variedade de produto pela outra.

Música. Diminui e permanece sob a narração.

O agente de extensão rural Sr. Sandi está visitando os campos de Chandra Mootoo, um agricultor local. Depois de inspecionar a produção, o Sr. Sandi sugere a Chandra que tente uma nova variedade de arroz que promete fornecer rendimento muito mais alto que a variedade local.

Música (três segundos).

Chandra está interessado nos conselhos do Sr. Sandi sobre a nova variedade de arroz. Ele fala com seu vizinho, Aly, mas ele não se impressionou. Na última vez em que Aly tentou uma nova variedade, ela cresceu pouco e ele perdeu a maior parte da produção… e do seu dinheiro.

Música (três segundos).

Chandra vai para casa e pensa no que Aly disse. Ele não quer arriscar toda a sua produção. Mas ele quer experientar a nova variedade. Se ela corresponder às promessas do agente de extensão, ele vai ganhar muito dinheiro. Ele decide tentar a nova variedade em um pequeno canteiro de teste. Assim, ele não vai perder tudo se a produção fracassar. Ele vai começar com pouco.

Música (três segundos).

No primeiro ano, Chandra planta a nova variedade de arroz em um pequeno canteiro de teste. A produção da nova variedade de arroz é alta. Melhor que a variedade local. Mas ainda não tão alta quanto o agente de extensão havia prometido. Chandra decide marcar com giz na parede interna da sua casa quantos sacos ele está colhendo de um canteiro com a nova variedade e de um canteiro do mesmo tamanho com a variedade antiga, pois ele acha que poderá não se lembrar no ano seguinte.

Música (três segundos).

No segundo ano do seu experimento, Chandra está mais confiante com a nova variedade. Por isso, ele decide aumentar a área de plantio de um ou dois canteiros de teste. Novamente, a produção é mais alta com a variedade nova. Outra vez, ele registra as suas descobertas.

Música (três segundos).

Mas, no terceiro e no quarto ano dos experimentos de Chandra, a chuva é menor que nos dois anos anteriores. A colheita da nova variedade é muito ruim. Na verdade, a nova variedade tem produção menor que a variedade de arroz local. Felizmente, Chandra plantou apenas dois canteiros pequenos com a nova variedade.

Música (três segundos).

Após os seus experimentos, Chandra conclui que ele tinha razão em plantar a nova variedade em apenas uma pequena parte da sua terra. Ele decide retornar ao cultivo da sua variedade de arroz local. Ela é confiável e sua produção é consistente, mesmo quando as chuvas são poucas.

Música (três segundos).

Nesses experimentos, Chandra explorou as vantagens e desvantagens de uma nova variedade de arroz. Ele também comparou a nova variedade com a variedade local e registrou suas descobertas para poder lembrar-se de um ano para o outro. Os tipos de experimentos que ele fez são chamados de testes exploratórios e comparativos. Por fim, depois de cinco anos de experimentos, Chandra preferiu cultivar a variedade local, que gerou produção menor, mas mais confiável, na média ao longo dos anos.

Música (três segundos).

Como você decide quais variedades de produtos irá plantar? Como você compara as variedades tradicionais com variedades novas? Como você registra as suas descobertas? É bom experimentar novas variedades. Mas tenha certeza que elas já foram testadas na sua região. E, mesmo assim, experimente por vários anos em canteiros de teste pequenos, antes de decidir cultivar em grande escala.


Créditos:

Contribuição de Jennifer Pittet, Thornbury, Ontário, Canadá.

Revisão: Ann Waters-Bayer e Chesha Wettasinha, ETC Ecoculture, Países Baixos.


Fontes de informação:

Farmers changing the face of technology: choices and adaptation of technology options. Cavite, Filipinas. Instituto Internacional de Reconstrução Rural (IIRR), 1999.

A Rádio Rural Internacional (Farm Radio International) é uma organização canadense sem fins lucrativos dedicada a apoiar emissoras de rádio em países em desenvolvimento para fortalecer comunidades rurais e a agricultura em escala.

Segundo a organização, o material da Rádio Rural Internacional pode ser copiado ou adaptado para distribuição gratuita ou a preço de custo, com crédito para a Rádio Rural Internacional e para as fontes originais.

Esta versão em português é um trabalho voluntário, independente da organização e oferecido gratuitamente para as emissoras de rádio dos países de língua portuguesa. O texto foi traduzido para o português do Brasil, mas pode ser adaptado com facilidade para o português falado em outras partes do mundo (para dúvidas sobre os termos empregados, utilize o formulário de contato em https://radioruralportugues.wordpress.com/creditos-e-contato/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s