Fumar é caro e faz mal à saúde

Material produzido pela Rádio Rural Internacional em 1° de abril de 1993, como parte do pacote de informações n° 28.

Original em inglês disponível em: http://scripts.farmradio.fm/radio-resource-packs/package-28/smoking-is-unhealthy-and-expensive/.


Observações para as emissoras:

Conteúdo:  Fumar faz mal para a sua saúde e para a saúde das pessoas à sua volta.  E também é caro.

Roteiro: Você fuma? Se você fuma, aqui estão algumas coisas que você precisa saber.

Fumar aumenta o risco de contrair doenças que podem matá-lo. Quanto mais você fuma, maior a probabilidade de contrair câncer do pulmão, da boca, da garganta ou dos lábios. Fumar causa bronquite crônica e efisema, que interferem com a respiração. Fumar pode também causar úlcera do estômago ou piorá-la. E aumenta a possibilidade de você morrer de doenças do coração. Fumar também afeta o seu senso de sabor e aroma.

As mulheres que fumam quando estão grávidas normalmente têm bebês menores e menos saudáveis.

Fumar também é perigoso para as pessoas à sua volta. A chamada fumaça “passiva” – a fumaça que sai do seu cigarro ou cachimbo e você não inala – entra no pulmão dos demais e prejudica os corpos deles, tanto quanto o seu.

As crianças cujos pais fumam são mais propensas a desenvolver pneumonia e outras doenças respiratórias que as crianças cujos pais não fumam.

Você precisa de mais razões para parar de fumar?

Os pesquisadores acreditam que, em média, cada cigarro que você fuma reduz a sua vida em oito minutos. Cada um deles. Oito minutos podem não parecer muito isoladamente, mas pense em quantos cigarros você poderá fumar em um ano.

As companhias que fabricam e vendem cigarros não anunciam a verdade sobre o fumo e as doenças. Elas tentam fazer com que o fumo pareça algo sofisticado. Quanto mais cigarros as pessoas comprarem, mais dinheiro as companhias ganham. Mas as pessoas de países ricos da Europa e da América estão pouco a pouco deixando de fumar. Elas estão aprendendo os perigos do cigarro. Lá, fumar não é nada requintado. Na verdade, em muitos lugares, especialmente em prédios públicos, ônibus e teatros, o fumo é proibido.

Como menos pessoas nos países ricos estão fumando, as companhias que vendem cigarros estão tentando vender mais nos países mais pobres. Frequentemente, as pessoas das regiões pobres detêm menos informações sobre os perigos do fumo e, por isso, é mais fácil para as companhias de cigarro fazer dinheiro por nessas regiões.

As pessoas que anunciam cigarros também patrocinam eventos esportivos. Parece estranho que essas atividades saudáveis sejam pagas por um produto que faz tanto mal à saúde!

É difícil deixar de fumar. O fumo é um vício, como as drogas ou o álcool. Mas deixar de fumar vale definitivamente todo o desconforto que você irá ter.

Quando você deixar de fumar, as suas roupas não terão mais cheiro ruim nem buracos onde a cinza caiu. A sua casa não terá mais cheiro de fumaça. O seu senso de sabor e odor vai melhorar e você aproveitará ainda mais o sabor dos alimentos que come. Você e a sua família viverão vidas mais longas e saudáveis. Você terá mais dinheiro no bolso, porque não vai gastar mais com cigarros que somem na fumaça. E pense: se os seus filhos não virem você fumando, é menos provável que eles comecem a fumar e estragar sua saúde.


Créditos:

Este roteiro foi escrito pela escritora voluntária Victoria Wilcox.  Victoria trabalha na CBC (Canadian Broadcating Corporation), em Toronto.


Fontes de informação:

  • Dr. AMREF Radio Talks, de Roy Shaffer, MD. Publicado pela Fundação Médica e de Pesquisa da África, Wilson Airport, P. O. Box 30125, Nairóbi, Quênia, 1990.
  • Where There Is No Doctor: A Village Health Care Handbook, de David Werner, Carol Thuman e Jane Maxwell. Publicado por The Hesperian Foundation, P. O. Box 1692, Palo Alto, Califórnia 94302, Estados Unidos, 1992.
  • Smoking ‑ A Development Issue, de Ken Shipley, CUSO Forum, Vol. 5, n° 2, maio de 1987, pág. 8.
  • Up In Smoke, de  Rhonda Birenbaum, The IDRC Reports, Vo. 12, n° 2, 1983, págs. 14‑17.

A Rádio Rural Internacional (Farm Radio International) é uma organização canadense sem fins lucrativos dedicada a apoiar emissoras de rádio em países em desenvolvimento para fortalecer comunidades rurais e a agricultura em escala.

Segundo a organização, o material da Rádio Rural Internacional pode ser copiado ou adaptado para distribuição gratuita ou a preço de custo, com crédito para a Rádio Rural Internacional e para as fontes originais.

Esta versão em português é um trabalho voluntário, independente da organização e oferecido gratuitamente para as emissoras de rádio dos países de língua portuguesa. O texto foi traduzido para o português do Brasil, mas pode ser adaptado com facilidade para o português falado em outras partes do mundo (para dúvidas sobre os termos empregados, utilize o formulário de contato em https://radioruralportugues.wordpress.com/creditos-e-contato/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s