O fogão Jiko de cerâmica

Material produzido pela Rádio Rural Internacional em 1° de julho de 1996, como parte do pacote de informações n° 41.

Original em inglês disponível em: http://scripts.farmradio.fm/radio-resource-packs/package-41/the-ceramic-jiko-stove/.


Roteiro:

No Quênia, muitas casas, especialmente nas áreas urbanas, usam um fogão metálico a carvão para cozinhar, que é chamado de fogão Jiko. Pesquisadores da KENGO (Organização de Energia e Meio Ambiente do Quênia) desenvolveram recentemente um novo modelo de cerâmica do fogão Jiko que consome menos combustível e, com isso, ajuda a reduzir o desflorestamento.

O novo fogão, chamado de Jiko de cerâmica, consome a metade do combustível do antigo fogão Jiko. Ele é leve – pesa apenas 3,6 kg – e fácil de carregar. Ele reduz o custo do combustível e o tempo de cozimento. Por isso, é ideal para famílias que não têm muito dinheiro e estão ocupadas com outras atividades. A água ferve mais rápido e por mais tempo com o Jiko aprimorado. Devido ao seu formato, o calor do fogão é dirigido exatamente sob a panela.

O Jiko de cerâmica dura cerca de trinta meses com muito uso, o que é mais tempo que o Jiko de metal. O invólucro externo é feito de metal e é produzido por artesãos locais. O revestimento interno de cerâmica é produzido por empresas grandes e pequenas, incluindo vários grupos de mulheres.

Como o novo fogão custa um pouco mais que o anterior, existe a necessidade de educar as pessoas sobre a economia do custo de combustível. O custo do Jiko pode ser recuperado em dois a três meses, devido à economia do custo de combustível. Com 70.000 desses novos Jikos aprimorados em uso ativo, estima-se que 206.000 toneladas de madeira e 570.000 hectares de florestas sejam preservados anualmente no Quênia.

Como o Jiko de cerâmica foi tão bem sucedido nas residências, os pesquisadores desenvolveram um fogão industrial aprimorado para hospitais rurais, clínicas, escolas e prisões. Essas instituições tradicionalmente usam lenha e carvão para cozinhar, aumentando a crise de lenha do país.

O Jiko de cerâmica industrial é similar ao Jiko doméstico, com uma cobertura externa de metal e revestimento interno de cerâmica ou vermiculite. Ele mede de 30 a 50 cm de diâmetro e pode durar até cinco anos. A economia de lenha pode atingir cinquenta por cento. O fogão reduz o tempo de cozimento e libera menos gases que outros tipos de fogões industriais. Além disso, pode-se adicionar uma câmara de água ao fogão para aquecer a água e evitar a perda de calor dos lados metálicos do fogão, para que ele possa ser manuseado mesmo durante o uso.

Usuários potenciais:

O Jiko de cerâmica doméstico pode ser usado por famílias de baixa renda nas áreas urbanas e rurais. O Jiko de cerâmica industrial pode ser usado em hospitais, escolas, prisões e em qualquer instituição que use lenha ou carvão para cozinhar.

Custo e disponibilidade:

O nome comercial do novo Jiko doméstico é Kimathi Jiko. Ele é vendido por 55 a 75 xelins quenianos, ou US$ 2,00 a 3,00. O fogão industrial é vendido por 25.000 a 30.000 xelins quenianos, ou cerca de US$ 1.000,00. O fogão industrial é projetado para cozinhar para pelo menos cem pessoas, usando panelas de 50 litros ou mais.

Os fornecedores dos fogões Jiko domésticos incluem:

Program Officer, Wambugu (Central Highlands)
P. O. Box 5069
Nyere, Quênia

Jerri International
P. O. Box 52747
Nairobi, Quênia

Os fornecedores dos fogões Jiko industriais incluem:

Bellerive Foundation
Ngog Road, P. O. Box 42994, Nairóbi, Quênia
Fone : 25.2.720 274; Fax: 254.2.726 547

Charles Gitundu, Rural Technology Enterprises
P. O. Box 28201, Nairóbi, Quênia
Fone: 796352


Créditos:

Este roteiro foi publicado com recursos do Centro Internacional de Pesquisa para o Desenvolvimento (IDRC), Ottawa, Canadá. Ele é adaptado de 101 Technologies from the South for the South, 1992, IDRC, P. O. Box 8500, Ottawa, Canadá K1G 3H9.

Fontes de informação:

Kenya Energy and Environment Organisations (KENGO), P. O. Box 48197, Nairóbi, Quênia.

Wood Energy in Kenyan Institutions, A Summary of Research Findings, 1988, 14 págs., KENGO Wood Energy Series, KENGO.


A Rádio Rural Internacional (Farm Radio International) é uma organização canadense sem fins lucrativos dedicada a apoiar emissoras de rádio em países em desenvolvimento para fortalecer comunidades rurais e a agricultura em pequena escala.

Segundo a organização, o material da Rádio Rural Internacional pode ser copiado ou adaptado para distribuição gratuita ou a preço de custo, com crédito para a Rádio Rural Internacional e para as fontes originais.

Esta versão em português é um trabalho voluntário, independente da organização e oferecido gratuitamente para as emissoras de rádio dos países de língua portuguesa. O texto foi traduzido para o português do Brasil, mas pode ser adaptado com facilidade para o português falado em outras partes do mundo (para dúvidas sobre os termos empregados, utilize o formulário de contato em https://radioruralportugues.wordpress.com/creditos-e-contato/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s