Mamona: produto que não serve apenas para biocombustível

Material produzido pela Rádio Rural Internacional em 1° de março de 2007, como parte do pacote de informações n° 80.

Original em inglês disponível em: http://www.farmradio.org/radio-resource-packs/package-80/jatropha-not-just-a-biofuel-crop/.


Observações para as emissoras:

Com todas as preocupações com o aquecimento global causado pela queima de combustíveis fósseis como carvão e petróleo, existe uma corrida para encontrar fontes de energia alternativas e favoráveis para o meio ambiente. Muita atenção está sendo dedicada aos “biocombustíveis”, que são combustíveis produzidos a partir de plantas vivas. Milho, cana de açúcar e outras plantas alimentícias estão sendo transformadas em biocombustíveis nos Estados Unidos e em outros países. Existe muito entusiasmo com os produtos africanos que poderão ser usados para produzir biocombustível. Um produto que vem ganhando muita atenção é a mamona. Neste roteiro, analisamos os benefícios da mamona para os pequenos agricultores.

É improvável no momento que os pequenos agricultores cultivem mamona para processamento em biocombustível, a menos que eles sejam parte de um esquema maior com este propósito, ou se houver uma unidade de processamento de mamona perto da sua fazenda. Mas existem muitas outras razões para que os pequenos agricultores cultivem mamona, todas as quais são detalhadas no roteiro.

A Rádio Rural Internacional não está opinando se a mamona ou qualuer outro produto de biocombustível é uma boa reação ao aquecimento global porque a ciência e a economia desta questão são muito complexas atualmente para a tomada de uma posição definitiva. Para atender a audiência dos pequenos agricultores, é uma boa ideia orientar a sua programação para as necessidades deles. Por isso, eeste roteiro analisa os benefícios da mamona para os pequenos agricultores.


Roteiro:

Apresentador: Bom dia a todos! Muitas pessoas vêm falando sobre a mamona, uma planta que produz óleo para uso como biocombustível. Com toda a preocupação com o aquecimento global, a mamona e outros produtos de biocombustível estão recebendo muita atenção e publicidade. Os biocombustíveis poderão fornecer alternativa à queima de “combustíveis fósseis”, como carvão e petróleo. Não vamos responder hoje se a mamona é ou não a solução “mágica” para o aquecimento global que as pessoas esperam que ela seja. Ela pode ajudar os pequenos agricultores ou só é adequada para agricultura em larga escala? Esta é a questão que vamos abordar neste programa. Vamos contar o que é a mamona e como ela pode ser usada pelos pequenos agricultores para proteger o solo, produzir combustível para lâmpadas a óleo, fabricar sabão e criar novas fontes de renda. Fique ligado. Estaremos de volta em um minuto para falar com um especialista em mamona.

Intervalo musical curto

Apresentador: Sim, hoje estamos falando sobre mamona. Temos a sorte de ter conosco um produtor de mamona experiente que vai nos contar como a mamona pode beneficiar os pequenos agricultores. Bem-vindo, Sr. Z.

Sr. Z: Obrigado pelo convite. Espero poder transmitir boas informações sobre esta planta interessante e útil.

Apresentador: O sr. pode começar contando sobre a planta em si e onde ela pode ser cultivada?

Sr. Z: A mamona é uma planta perene que vive até cinquenta anos e produz sementes por toda a vida. Ela é resistente à seca e cresce em solos com baixa fertilidade. É uma árvore pequena ou arbusto, que cresce de três a cinco metros de altura, mas pode crescer até oito ou dez metros em condições favoráveis. Ela é uma boa planta para plantio entremeado com plantas alimentícias. Ela é mais bem sucedida em partes mais secas da África, onde o índice de chuva anual é de 60 a 100 centímetros. Ela prefere temperaturas médias anuais de mais de 20°, mas pode crescer em altitudes maiores e tolera leve geada.

Apresentador: Ouvimos muitas notícias ultimamente sobre grandes plantações de mamona sendo cultivadas em diferentes partes da África para produzir biocombustível. Esse biocombustível substituiria combustíveis fósseis como petróleo e gás para carros, caminhões e para outros usos. As pessoas vêm dizendo que essas plantações poderiam gerar muito dinheiro para os países da África e para os agricultores africanos. Mas a mamona pode beneficiar também os pequenos agricultores?

Sr. Z: Esse grande foco no cultivo de mamona para biocombustível é relativamente novo. O fato é que a mamona não é uma planta nova na África e vem beneficiando os pequenos agricultores em todo o continente africano há muitos anos. Os agricultores do Máli e de outros países do oeste africano, por exemplo, vêm plantando cercas de mamona há muitos anos para interromper a erosão do solo e o movimento das dunas de areia, além de estabilizar pequenas represas. Aglomerado de óleo de mamona também é um excelente fertilizante orgânico.

Apresentador: A mamona tem outros usos?

Sr. Z: Certamente. As mulheres da zona rural usam tradicionalmente a mamona como remédio e para produzir sabão. O processo tradicional de fabricação de sabão é muito trabalhoso e produz quantidades pequenas de sabão de relativamente má qualidade. Mas, quando se utiliza óleo de mamona, isoladamente ou em combinação com óleos de outras plantas locais como manteiga de carité, são produzidas maiores quantidades de sabão melhor. As mulheres podem vender esse sabão nos mercados locais e nas cidades próximas, aumentando a sua renda usando recursos locais.

Apresentador: Fazer sabão parece uma boa ideia para aumentar a renda rural. A mamona tem outros benefícios para os pequenos agricultores?

Sr. Z: Os animais não gostam de folhas ou caules de mamona e, por isso, eles não atacam as cercas de mamona. Por isso, as cercas de mamona podem servir de cerca viva, protegendo os produtos alimentícios contra os animais. E, é claro, o óleo é muito valioso.

Apresentador: Conte sobre o óleo de mamona.

Sr. Z: Bem, cerca de um terço da semente de mamona é composto de óleo e cinco quilos de sementes produzem cerca de um litro de óleo. Um metro de cerca produz cerca de um quilo de semente. Além de fazer um sabão muito bom, o óleo é usado como combustível. Tradicionalmente, ele vem sendo usado para alimentar moinhos de grãos e bombas d‘água. Ele também é muito bom para lâmpadas e lanternas, porque queima sem emitir fumaça. Até se diz que o óleo mata os caracóis vetores que causam a esquistossomose!

Apresentador: Eu soube que algumas pessoas estão avisando que o cultivo de mamona e outros produtos não alimentícios para produzir biocombustível na África pode não ser uma estratégia sustentável e poderá causar problemas. O que o sr. pensa a respeito?

Sr. Z: Se os pequenos agricultores puderem cultivar mamona para produzir biocombustível e usá-lo, por exemplo, como combustível para lâmpadas, fornos ou moinhos e bombas d’água, acho que isso é bom. Em muitos países africanos, o desflorestamento é uma questão importante. Estamos derrubando nossas florestas para obter lenha e carvão. Se a mamona e outras plantas puderem ser usadas como combustível, poderemos parar de derrubar nossas florestas. Mas é difícil prever o que aconteceria se muita terra africana fosse plantada para cultivar produtos para geração de biocombustível como a mamona. Algumas pessoas se preocupam porque, com os altos preços atuais do petróleo, os agricultores poderão plantar produtos de biocombustível em terra que antes usavam para cultivar alimentos. Isso é particularmente preocupante em regiões da África onde os altos preços dos alimentos são a razão mais imediata para as pessoas passarem fome.

Apresentador: Mas o sr. recomendaria que os pequenos agricultores cultivassem mamona não apenas porque é produtora de biocombustível, mas devido aos seus muitos usos, certo?

Sr. Z: Sim, isso mesmo. A mamona pode aumentar a renda da família, fornecer parte da energia doméstica, ajudar a combater a erosão do solo e aumentar a fertilidade. Tudo isso e é fácil de cultivar, mesmo em áreas secas que não sustentam facilmente produtos alimentícios! Tenho um aviso importante para as aldeias que querem aumentar a produção de mamona e talvez fazer processamento local ou cercas de mamona em maior escala. O aviso é para que tomem cuidado para que as mulheres mantenham suas responsabilidades tradicionais de colheita e processamento das sementes. Caso contrário, a situação financeira da aldeia não terá benefícios.

Apresentador: Parece um bom conselho, Sr. Z. Obrigado por falar conosco sobre a mamona e ajudar-nos a entender seus benefícios para os pequenos agricultores.

Sr. Z: Eu que agradeço!

Apresentador: E obrigado aos nossos ouvintes pela sintonia. Se você tiver qualquer pergunta sobre o tema da mamona, biocombustíveis ou qualquer outro, não hesite em ligar para a emissora no número (número de telefone). Podemos não ter a resposta para as suas perguntas, mas vamos tentar encontrar alguém que responda! Até a próxima!

Vinheta de encerramento por até dez segundos, depois diminui.


Créditos:

Contribuição de Vijay Cuddeford, editor gerente, Rede de Rádio Agrícola para os Países em Desenvolvimento.

Revisão: Reinhard Henning, Bagani, empresa de consultoria especializada em energias renováveis em países em dsenvolvimento, Rothkreuz 11, D-88138 Weissensberg, Alemanha.

Fontes de informação:


A Rádio Rural Internacional (Farm Radio International) é uma organização canadense sem fins lucrativos dedicada a apoiar emissoras de rádio em países em desenvolvimento para fortalecer comunidades rurais e a agricultura em pequena escala.

Segundo a organização, o material da Rádio Rural Internacional pode ser copiado ou adaptado para distribuição gratuita ou a preço de custo, com crédito para a Rádio Rural Internacional e para as fontes originais.

Esta versão em português é um trabalho voluntário, independente da organização e oferecido gratuitamente para as emissoras de rádio dos países de língua portuguesa. O texto foi traduzido para o português do Brasil, mas pode ser adaptado com facilidade para o português falado em outras partes do mundo (para dúvidas sobre os termos empregados, utilize o formulário de contato em https://radioruralportugues.wordpress.com/creditos-e-contato/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s