Plantio de árvores (parte 2)

Material produzido pela Rádio Rural Internacional em 1° de janeiro de 1985, como parte do pacote de informações n° 9.

Original em inglês disponível em: http://www.farmradio.org/radio-resource-packs/package-9/planting-trees-part-2-growing-your-own-seedling-trees/.


Como cultivar suas próprias mudas

Observações para as emissoras:

Informações sobre este tema foram solicitadas por parceiros da Rádio Rural Internacional na Bolívia, Brasil, Camarões, Colômbia, Equador, Filipinas, Guatemala, Haiti, Índia, Paraguai, Peru, Quênia, Senegal, Sri Lanka, Tailândia e Uruguai.

Antes de usar as informações deste roteiro, tenha em mente que ele é totamente dirigido a agricultores que não dispõem de agências florestais locais onde eles possam conseguir mudas de árvores para plantio. Se houver árvores disponíveis para os seus agricultores a custo baixo ou sem custo, você provavelmente deverá decidir não utilizar este roteiro.


Roteiro:

Nós aqui na rádio somos parte de uma rede mundial de informações que reúne dados sobre agricultura de países em desenvolvimento em todo o mundo. É a Rede de Rádios Agrícolas para Países em Desenvolvimento, financiada pela Agência Canadense para o Desenvolvimento Internacional, Massey-Ferguson e a Universidade de Guelph.

Por meio dessa rede, nós trazemos para você informações sobre formas de aumentar o fornecimento de alimento para a sua família ou para venda – formas que outros agricultores utilizaram com sucesso.

Novamente, vamos falar sobre o plantio de árvores. Aqui está George Atkins com algumas informações sobre a preparação de mudas de árvores no seu próprio viveiro.

Atkins: Nós já falamos neste programa sobre como decidir quais tipos de árvores devem ser plantadas e como reunir e preparar sementes de árvores para o plantio. O que você deve fazer agora é plantar essas sementes em um local onde elas possam começar a crescer, ou seja, protegidas contra o vento, do sol excessivo e onde você possa ter certeza de que elas terão água suficiente para começar a crescer bem. Você deve começar em um leito de mudas e, depois, quando as suas mudas de árvores estiverem suficientemente grandes, você pode transferi-las para o local onde elas vão crescer até que se tornem árvores adultas.

Agora, como as mudas de árvores deverão ser plantadas no começo da estação das chuvas, você deverá começar a plantar as suas sementes com antecedência suficiente para que as pequenas árvores estejam prontas para o plantio no momento certo.

Existem duas formas de plantar suas mudas de árvores. Uma forma é preparar um leito de mudas da mesma forma que você faria para preparar mudas de legumes. Nele você planta as suas sementes em fileiras e, quando as árvores estiverem suficientemente grandes, você as transplanta para o lugar onde quiser que elas cresçam permanentemente. Você faz isso mais ou menos como se transplantasse mudas de legumes para o seu jardim. Quando fizer isso, você deverá manter as raízes em repouso no solo onde cresceram e transplantar as raízes, o solo e tudo o mais para o buraco de plantio final.

David Coyle e Andy Kenney são florestadores que trabalharam em Kanye, em Botsuana, e eles me contaram sobre o outro método de cultivo de mudas de árvores quando estive com eles.

Em vez de plantar as sementes em um leito de mudas, você cultiva cada árvore de muda separadamente no seu próprio recipiente de solo. Todos os recipientes são colocados perto uns dos outros em uma área especial onde você pode cuidar deles com atenção, como cuidaria de um canteiro ou leito de mudas de legumes comum. Ele se tornará o seu viveiro de mudas de árvores.

Com todas as mudas perto uma das outras desta forma, elas podem ter facilmente sombra contra o sol e ser protegidas do vento; e elas também estarão em local conveniente para rega regular enquanto crescem.

Mas e todos esses recipientes para cultivar as mudas de árvores? Em alguns lugares, as pessoas compram copos de plástico ou papelão, mas David diz que há muitas outras coisas que você pode usar sem precisar gastar nada.

Coyle: Pode ser qualquer tipo de recipiente, desde latas até vasos.

Atkins:E caules de bananeira? Você pode usar caules de bananeira?

Coyle: Claro, você poderá usar o caule principal da bananeira. Usando um caule de bananeira, você pode cortar em pedaços com vinte centímetros de comprimento e retirar o miolo, as camadas internas de folhas enroladas, e aí você terá ótimos tubos pequenos. Basta apenas dobrar no fundo e você terá um belo vaso de caule de bananeira para cultivar sua árvore nele.

É bom ter esse vaso se você estiver cultivando uma árvore porque, se você levar a árvore por qualquer distância para o plantio, você não perturbará tanto as raízes se elas estiverem crescendo em um vaso adequado. Então, com o caule de bananeira ou, se você tiver algumas folhas mais ou menos fortes e quiser costurá-las para fazer um pequeno vaso, você poderá encher com solo de boa qualidade e plantar ali suas sementes.

Kenney: Você poderá usar um pedaço de bambu. Basta formar um pequeno copo com o bambu. Ele não deverá ser muito pequeno, talvez duas vezes a largura da sua mão ou a largura da sua mão através da abertura. Se você fizer pequeno demais, você vai confinar as raízes. O crescimento das raízes é talvez a parte mais importante do cultivo de árvores.

Atkins: E cascas de coco? Você pode usar isso como recipiente para mudas de árvores?

Kenney: Casca de coco? Sim, desde que você faça buracos de drenagem no fundo. O mais importante para qualquer um desses recipientes é ter buracos suficientes no fundo do recipiente para que o excesso de água possa ser livremente drenado. —

Você deverá colocar alguns seixos, pequenas pedras ou alguma outra coisa no fundo para manter os buracos abertos para que a água saia.

Atkins: Muito bem, e sobre o solo ou a mistura de solo que vamos colocar no vaso?

Coyle: A mistura de solo deverá ser o solo melhor e mais rico que você puder encontrar. E também solo que tenha boa drenagem. É bom misturar um pouco de areia no solo. Se o único solo que você tiver for solo muito arenoso e você tiver uma fonte de composto, misture esse solo arenoso com o seu composto.

Se você fizer o seu próprio composto, sempre é bom misturar com o solo para que a sua mistura seja de 1/3 ou 1/2 de composto, pois ele contém muitos nutrientes, retém muita umidade e pode realmente dar à sua pequena muda o incentivo de que ela precisa antes de ser plantada no campo ou em uma área plantada.

Kenney: Se você tiver composto ou mesmo se não tiver, existem certas coisas no solo da floresta que realmente ajudam as raízes das árvores a crescer e você pode não encontrar muitas dessas coisas em outro solo. Por isso, seria uma boa ideia misturar um pouco de solo de floresta no seu solo.

Atkins: Depois você coloca as sementes em todos esses vasos e coloca os vasos lado a lado. Qual a profundidade de plantio das sementes no solo?

Kenney: Uma boa orientação é enterrar a semente mais ou menos na mesma profundidade da largura da semente. Se você tiver uma semente grande, do tamanho da ponta do seu dedo mínimo, ela deverá estar a mais ou menos a mesma quantidade de solo. Plantar uma semente muito fundo evitará que ela cresça adequadamente. Plantar muito raso fará com que ela seque.

Coyle: Algumas sementes de árvores são muito pequenas e poderão até precisar de um pouco de luz para crescer. Você vai deixar as sementes muito pequenas em cima do solo e mantê-las bem regadas para que não sequem.

Atkins: Você plantaria uma semente em cada vaso ou várias sementes em um vaso e depois escolhe?

Kenney: Bem, eu acho bom plantar várias sementes em um vaso e, se só uma germinar, você ainda está bem. Se todas elas germinarem, é mais fácil remover aquelas que você não quer e ficar com a melhor.

Coyle: Você realmente não deverá retirar as mudas que você não quer; isso poderá prejudicar as raízes daquela que você quer que cresça. Então apenas retire as menores com os dedos.

Atkins: E sobre a rega? É importante regar regularmente, certo?

Kenney: Bem, uma das razões do cultivo de mudas em viveiros é poder regar as árvores, mas você também deve ter em mente que água demais pode matar uma árvore pequena.

Coyle: Para conservar água, você poderá colocar uma pequena quantidade de sombra sobre a área do viveiro. Você pode fazer isso com galhos ou com outra coisa. Você não quer sombra demais porque as sementes poderão não receber calor suficiente para germinar, mas você vai querer um pouco de sombra.

Atkins: Mais uma coisa: quanto tempo você deve manter as mudas crescendo nos vasos do viveiro antes do transplante para o lugar definitivo?

Kenney: Bem, se você vai preparar o local de plantio removendo toda a grama, você poderá plantá-las quando estiverem com quinze centímetros de altura. Mas, se a área onde você vai plantar tiver muita grama ou sujeira, você pode deixar as árvores no viveiro por mais tempo, talvez até que elas tenham trinta centímetros de altra.

Coyle: Sim, você deverá plantar antes que as raízes fiquem grandes demais para o vaso, pois as raízes começam a crescer em círculos em volta do interior do vaso. Depois de plantar a árvore no campo, ela pode nunca conseguir formar um bom sistema de raízes que seja suficientemente grande para que sustentá-la na posição vertical.

Por isso, cultive suas mudas de árvores em recipientes que sejam sufcientemente grandes para que as raízes não fiquem muito congestionadas.

Atkins: E uma forma de descobrir como estão as raízes dentro do recipiente seria realmente abir um e ver o que está acontecendo ali.

Coyle: Isso mesmo.

Atkins: É claro que você deverá ter muitas mudas de árvores crescendo em recipientes como esse para poder fazer esse tipo de coisa e experimentar com eles.

Coyle: Sim.

Atkins: Muito obrigado, David Coyle e Andy Kenney, dois agroflorestadores, aqui no Centro de Treinamento de Inovações das Indústrias Rurais em Kanye, Botsuana.

Para Agricultura, a Indústria Básica, sou George Atkins.


Créditos:

Entrevistados:

  • David Coyle, a/c Kantor Bappeda II, Watampone, Kabupaten Bone, Sulawesi Selatan, Indonésia.
  • Andy Kenney, a/c Departamento de Biologia Ambiental, Universidade de Guelph, Guelph, Ontário N1G 2W1, Canadá.

A Rádio Rural Internacional (Farm Radio International) é uma organização canadense sem fins lucrativos dedicada a apoiar emissoras de rádio em países em desenvolvimento para fortalecer comunidades rurais e a agricultura em pequena escala.

Segundo a organização, o material da Rádio Rural Internacional pode ser copiado ou adaptado para distribuição gratuita ou a preço de custo, com crédito para a Rádio Rural Internacional e para as fontes originais.

Esta versão em português é um trabalho voluntário, independente da organização e oferecido gratuitamente para as emissoras de rádio dos países de língua portuguesa. O texto foi traduzido para o português do Brasil, mas pode ser adaptado com facilidade para o português falado em outras partes do mundo (para dúvidas sobre os termos empregados, utilize o formulário de contato em https://radioruralportugues.wordpress.com/creditos-e-contato/).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s